Quinta, 14 de dezembro de 201714/12/2017
+55 83 9 86812319
Claro
23º
23º
36º
Patos - PB
Erro ao processar!
Banner abaixo dos vídeos
Mulheres no Poder
Mulheres no Poder

Este Blog tem por intuito demonstrar o empoderamento da mulher na seara politica nos últimos anos

POLÍTICA
Mulheres não-brancas e a política
Ser ativista feminista intersecional e estudante de Ciência Politica nos dias atuais, pode ser desesperador e também muito gratificante.
Rita Bizerra Patos - PB
Postada em 13/07/2017 ás 09h28 - atualizada em 22/07/2017 ás 17h11
4.036 acessos
Mulheres não-brancas e a política

Manifestantes na avenida Paulista 2015. Foto de Tiago Mazza, Folhapress.

Esse texto faz parte da coluna Mulheres e Política. Texto de Jussara Cardoso para as Blogueiras Feministas.


Ser ativista feminista intersecional e estudante de Ciência Politica nos dias atuais, pode ser desesperador e também muito gratificante. Desesperador, porque olhar para a história das mulheres na politica, é compreender “Como?”, “Por quê?” e “Por qual sistema político?” nós fomos excluídas do espaço político. E é gratificante por saber que é o feminismo que me trouxe essa nova perspectiva da política, essa nova maneira de estudar, aprender e ensinar política. É gratificante olhar a política de uma maneira que inclua as mulheres na história da política, mesmo que seja contando que sempre fomos excluídas dela.


Estudar ciência política com um olhar feminista intersecional é muito mais do que pesquisar a trajetória da busca por conquistas de direitos femininos dentro da politica, é também reconhecer privilégios que nos cercam dentro dessa história. Preciso reconhecer que tenho privilégios dentro da política, não por ser mulher, mas por ser branca, cis, classe média, magra, sem deficiência física, acadêmica e etc. Reconhecer nossos privilégios políticos é necessário para compreendermos “quem fica de fora”, “quem são as pessoas excluídas?”, “quem são as minorias políticas?”, ou seja, é se perguntar “Quem é diferente de mim recebe o mesmo tratamento político?”.


Neste ponto pergunto, que mulher a politica que está posta defende? Ou melhor, que tipo de mulher essa política que está posta defende? Considerando que 51,3% do eleitorado brasileiro são mulheres, e, que não chegamos nem a 10% dos cargos ocupados no legislativo, fica fácil afirmar que não temos uma representatividade política da população brasileira quanto ao gênero. Mas sim, que nossa representatividade na história política do Brasil é de uma cultura política majoritariamente masculina, patriarcal e machista. Além de machista, nossa política também é racista, por isso o recorte de identidade de gênero e racial é de extrema importância.


Dilma Rousseff e Marcela Temer são muitas vezes tratadas de formas machistas, misóginas e sexistas no cenário da política, mas assim como eu, carregam em suas peles e suas vidas muitos privilégios. Não por serem mulheres, mas por sermos brancas, classe média alta/ricas e etc. Um exemplo histórico de recorte de gênero e racial, é a primeira manifestação legal a respeito do combate ao tráfico de mulheres,  o chamado Acordo Internacional para a Repressão ao Tráfico de Mulheres Brancas. Isso mesmo que você leu, o acordo fazia referência apenas a proteção de mulheres brancas.

FONTE: blogueirasfeministas.com
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Rita Bizerra
Rita Bizerra

Rita Bizerra- Paraibana com orgulho...rsrs Amante da leitura e da escrita,Licenciada em Letras e Pós-graduada em Língua, Linguística e Literatura, Especialista em Gestão de Negócios, Jornalista e Assessora de Impresa especializada e Empreteca. Com os títulos publicados: Aventuras de Uma Vida e algumas poesias, Olho D'água a Princesinha do Vale, O Verdadeiro Rei do Cangaço (TCC), coautora de Coração de Poeta. Colunista do Periódico Folha Patoense muito tempo. Alma de Mulher...

Patos - PB
(83) 9 86812319 - 9 98100345
ritabizerra@hotmail.com

Publicidade

Facebook

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Enquete
Se as eleições presidenciais do Brasil fossem hoje, em quem você votaria?

Marina Silva
40 votos - 41.7%

Lula
30 votos - 31.2%

Michel Temer
16 votos - 16.7%

Aécio Neves
10 votos - 10.4%

© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium